Maiores universidades de Minas Gerais



O estado mineiro abriga o maior número de universidades federais do Brasil

Minas Gerais é o quarto maior estado brasileiro em área territorial e o segundo em população. Considerada uma das regiões mais antigas no que se refere ao desenvolvimento do país, Minas abriga história, cultura e gastronomia vastas, tendo destaque também na educação.

O estado abriga cerca de 350 instituições de ensino superior, além de faculdades a distância. Quem está se preparando para o Enem e deseja conhecer uma dessas instituições pode aproveitar para viajar com a Transnorte.

Para facilitar a sua escolha, separamos uma lista com as maiores universidades de Minas Gerais e seus principais cursos. Confira!

Como saber se uma universidade é boa?

O Ministério da Educação (MEC) é o órgão incumbido da tarefa de classificar as instituições de ensino, de modo geral, como boas ou ruins. Isso é feito através de uma análise criteriosa que envolve três diferentes aspectos: o Índice Geral de Cursos (IGC), o Conceito Institucional (CI) e o Conceito Institucional EAD (CI-EAD).

O IGC é a média de notas dos cursos oferecidos por uma única instituição. Já o CI é uma avaliação que depende de uma avaliação técnica, já que envolve uma vistoria na instituição, considerando estrutura física, nível do corpo docente e aspectos pedagógicos.

O CI-EAD é uma avaliação exclusiva de instituições que oferecem a modalidade de ensino a distância e considera também a estrutura da faculdade ou universidade que funciona como uma espécie de ponto de apoio aos alunos.

Cada um desses indicadores recebe uma nota do MEC que vai de 1 a 5, sendo 1 e 2 insatisfatório; 3 satisfatório, ao atender aos pré-requisitos de qualidade; e 4 e 5 como acima da média.

No caso de Minas Gerais, há três universidades com nota máxima: a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a Universidade Federal de Lavras (UFLA) e a Universidade Federal de Viçosa (UFV). 

Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)

A maior de Minas não poderia ser outra senão a soberana UFMG. E não é para menos, já que além de ter ocupado o 5º lugar no ranking de 2021 da revista Times Higher Education de melhor universidade da América Latina, a UFMG foi consagrada pela publicação como a melhor universidade do Brasil.

São 91 cursos de graduação, que vão de Administração, Direito, Medicina, História e Letras até Ciência da Computação, Aquacultura, Cinema de Animação e Artes Digitais. Os cursos de pós-graduação também têm destaque a nível nacional.

Universidade Federal de Lavras (UFLA)

De acordo com o ex-presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e professor emérito da UFMG, José Francisco Soares, o empreendedorismo da UFLA é um dos diferenciais que consagrou a instituição uma das melhores do país.

Com destaque para a Escola de Agronomia, a Federal de Lavras tem ainda mais 31 cursos e apresenta o diferencial da implementação de uma usina fotovoltaica, ajudando a atender as demandas da comunidade. No mesmo ranking da UFMG, a UFLA aparece em 21ª posição da América Latina e 9ª posição do Brasil.

Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Ainda se tratando do ranking da Times Higher Education, a Federal de Viçosa alcança a 8ª posição do Brasil e a 20ª entre as melhores universidades latino-americanas. 

A excelência na área agrícola também é um diferencial marcante da UFV, tendo ainda quase 40 cursos de graduação, 67 de pós-graduação e 20 de doutorado. Entre as maiores universidades mineiras temos ainda: 

  • Universidade Federal de Uberlândia (UFU);
  • Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF);
  • Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP);
  • Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *